História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
II Congresso Nacional das Escolas Superiores Agrárias
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Rega deficitária na oliveira (Olea europaea L.), na região da Terra Quente Transmontana, com vista à otimização dos recursos hídricos, produtividade e qualidade do azeite


Objectivos:

  • Avaliar diferentes estratégias de rega deficitária de forma a identificar a que permite uma melhor eficiência do uso da água. Estão instalados cinco tratamentos de rega.
  • Avaliar o efeito que diferentes dotações de rega podem ter na eficiência da colheita mecanizada. Por eficiência da colheita entende-se a percentagem de frutos colhidos relativamente à produção total. Diferentes dotações de rega deverão influenciar a relação FRF/peso dos frutos e a eficiência da colheita mecânica. Além da evolução de FRF/peso dos frutos ao longo do período de maturação será também avaliada a capacidade de trabalho do equipamento de colheita mecânica.
  • Avaliar em diferentes tratamentos de rega e de cobertura do solo, os impactes das operações de colheita mecânica sobre o solo superficial na degradação da sua estrutura, compactação e redução da infiltração, o que representa um potencial para riscos acrescidos de erosão.
  • Avaliar os efeitos que diferentes dotações de rega têm na qualidade do azeite produzido.

Responsável na ESA:

Arlindo Castro Ferreira Almeida
Tel.: 273303218 E-mail: acfa@ipb.pt
Departamento: Produção e Tecnologia Vegetal

Outros Elementos da Equipa

Tomás de Figueiredo
Felícia Fonseca
José Rocha

Outras Instituições Participantes:

  • Viaz - Produção e comercialização de Vinhos e Azeites, Lda
  • Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
  • Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias e Agro-Alimentares - Porto
  • Universidade de Évora

Financiamento:

PRODER – Medida 4.1 - Cooperação para a Inovação

Duração:

De 2012-01-01 a 2014-12-31.