História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
II Congresso Nacional das Escolas Superiores Agrárias
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Desenvolvimento e Extensão Rurais


Área Científica: Ciências Sociais e Empresariais
Ano: 1º
Semestre: 2
Créditos: 4 ECTS
Horas de contacto: 40 TP, 4 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

O objetivo dessa unidade curricular é apresentar, discutir e enquadrar os aspetos do desenvolvimento rural. O foco estará principalmente em países tropicais em vias de desenvolvimento, mas questões do desenvolvimento rural nos países desenvolvidos são também discutidas. Conceitos, teorias, determinantes e oportunidades para o desenvolvimento rural e da agricultura são discutidos.
Serão apresentados as principais etapas do desenvolvimento rural na Europa, sendo discutidos aspetos da nova ruralidade. Será dada especial atenção à agricultura multifuncional.
Pretende-se também nesta unidade curricular capacitar os alunos para a gestão e/ou ação extensionista.
Assim, através da análise, nas suas diferentes dimensões, da realidade do meio rural bem como dos diferentes atores envolvidos, os alunos poderão determinar a melhor forma de implementar, gerir e avaliar ações de desenvolvimento nesses territórios.

Conteúdo da unidade curricular:

Desenvolvimento Rural
- Pobreza, condições de vida e dinâmica da pobreza em países tropicais;
- A segurança alimentar (disponibilidade, acessibilidade, utilização, sustentabilidade); Atividades económicas em meio rural (agrícolas, não-agrícolas, migração, diversificação);
- Instituições relevantes no desenvolvimento de territórios pobres (mercado da terra, mercado de trabalho, mercados de fatores de produção e de produtos);
- Desenvolvimento rural na Europa e multifuncionalidade da agricultura. Extensão Rural
- Condicionantes da atuação das organizações de Extensão Rural.
- Modelos institucionais de Extensão Rural.
- Abordagens teórico-metodológicas inovadoras na Extensão Rural
- Estudos de caso de extensão rural do Brasil

Bibliografia recomendada:

Callou AB (org.). 1999. Comunicação rural e o novo espaço agrário. São Paulo, Intercom. (Coleção GT Intercom, nº 8).
Gabathuler E, Bachmann F, Kläy A 2011. Reshaping Rural Extension - Learning for Sustainability (LforS) Na Integrative and Learning-Based Advisory Approach for Rural Extension;
IFAD (2011). World Poverty Report. International Fund for Agricultural Development. Rome.
Swanson BE, Bentz RP, Sofranko AJ 1998. Improving agricultural extension: a reference manual was prepared under a contract between FAO and the International Program for Agricultural Knowledge System
(INTERPAKS), College of Agricultural, Consumer, and Environmental Sciences, University of Illinois at Urbana- Champaign, United States.
Thornton R, Cimadevilla G (orgs.) 2003. La extensión rural em debate: concepiones, retrospectivas, cambios y estrategia para el mercosur. Buenos Aires, INTA.
Plataformas de organizações internacionais (World Bank, IFPRO, IFAD, IMF)


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;