História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Curso de seleção e qualificação de provadores
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Estação Hidrométrica do Pontão do IPB
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Produção de Biomassa e Bioenergia


Área Científica: Engenharias e Técnicas Afins
Ano: 1º
Semestre: 2
Créditos: 5 ECTS
Horas de contacto: 25 T, 25 PL, 4 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Conhecer o conceito de energia e de biomassa.
Conhecer os principais tipos de biomassa que são utilizados para a produção de energia.
Caracterizar a biomassa produzida em Portugal, impactos ambientais e económicos.
Identificar/compreender diferentes tecnologias de conversão da biomassa de forma a obter energia, combustíveis e químicos.
Caracterizar os principais processos de conversão de biomassa.

Conteúdo da unidade curricular:

Energia: conceito e definição. Potência. Eficiência energética. Biomassa: conceitos e definições. Tipos de biomassa. Biomassa sólida: resíduos florestais, culturas energéticas, desperdícios de culturas de clima temperado e tropical. Biocombustíveis líquidos: biodiesel, bioetanol, metanol; conceitos; matérias-primas. Biocombustíveis gasosos: conceito; matérias-primas. Resíduos Sólidos Urbanos. Caracterização da biomassa. Potencial em Portugal. Aspetos ambientais e económicos.
Processos de conversão de biomassa em energia, combustíveis e químicos. Processos de conversão físicos: secagem, redução de tamanho, densificação, separação. Processos de conversão termoquímica: combustão, pirólise, gaseificação, liquefação. Processos de conversão química: reação de esterificação, mecanismo, purificação e controlo de qualidade do biodiesel. Processos biológicos: compostagem, digestão anaeróbia, fermentação. Equipamentos, produtos obtidos, vantagens e desvantagens de cada processo de conversão.

Bibliografia recomendada:

Bassam N.El, 2010. Handbook of Bioenergy Crops: A Complete Reference to Species, Development and Applications. Earthscan, London, UK
Gopalakrishnan K.; van Leeuwen J. Hans; Brown R. C.(Eds.). 2012. Sustainable Bioenergy and Bioproducts. Springer
Khanal S.K.; Surampalli R.Y.; Zhang T.C.; Lamsal B.P.; Tyagi R.D.; Kao C.M. (Eds.), 2010. Bioenergy and Biofuel from Biowastes and Biomass. ASCE and American Society of Civil Engineers
Langeveld H. (Eds.), 2012. Biofuel Cropping Systems: Carbon, Land and Food
Mastny L. (Eds.), 2008. Biofuels for Transport: Global Potential and Implications for Sustainable Energy and Agriculture. Worldwatch Institute, Earthscan, London UK
Obemberger I.; Thek G., 2010. The Pellet Handbook: The Production and Thermal Utilisation of Biomass Pellets. Earthscan, London, UK
Vertès A.; Qureshi N.; Blaschek H.P.; Yukawa H. (Eds), 2010. Biomass to Biofuels: Strategies for Global Industries. John Wiley & Sons Ltd, U K


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;