História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Curso de seleção e qualificação de provadores
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Estação Hidrométrica do Pontão do IPB
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Gestão de Segurança Alimentar e Saúde Pública


Área Científica: Indústrias Alimentares
Ano: 1º
Semestre: 2
Créditos: 6 ECTS
Horas de contacto: 30 T, 30 PL, 4 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Conhecer os processos de avaliação e gestão dos riscos alimentares.
Propor metodologias de gestão de risco.
Conhecer os processos de fiscalização no sector alimentar.
Adquirir capacidades e competência para implementar e manter a certificação nas indústrias alimentares, de acordo com os principais referenciais de certificação.
Aplicar os conhecimentos a questões práticas

Conteúdo da unidade curricular:

Perigos alimentares: origem da contaminação, doença de origem alimentar, químicos origem natural, industrial e ambiental. Perigos alimentares nutricionais: obesidade, alergia/intolerância, outros; Fibras, efeitos fisiológicos; Stress oxidativo, dieta. Epidemiologia de cancro: tipos comuns, dieta, fatores de risco/prevenção.
Vigilância epidemiológica: áreas de intervenção, sistemas de vigilância, fontes. Doença de declaração obrigatória, fatores de risco, distribuição. Métodos de investigação.
Livro Branco sobre Segurança Alimentar: bases da segurança, principais diretrizes Princípios de Higiene Alimentar segundo Codex Alimentarius. Codex Alimentarius e EU: organização, elaboração de normas, fatores, funcionamento de comités.
D. EFSA. ASAE Análise, avaliação, gestão e comunicação de risco em segurança alimentar, programas de controlo oficial, sistema RASFF.
E. Sistemas de Gestão da Qualidade (ISO 9001:2008, ISO 22000:2005) e outros referenciais normativos.

Bibliografia recomendada:

Livro Branco sobre Segurança Alimentar. 2000. Comissão Europeia.
Nishida C., Uauy R., Kumanyika S. and Shetty P. 2004. The Joint WHO/FAO Expert Consultation on diet, nutrition and the prevention of chronic diseases: process, product and policy implications. Public Health Nutrition: 7(1A), 245–250
NP EN ISO 9001:2008 e ISO NP EN ISO 22000:2005
Site Autoridade de Segurança Alimentar e Económica: http://www.asae.pt/
Site British Food Standard Agency: http://www.food.gov.uk/
Site Codex Alimentarius: http://www.codexalimentarius.net/
Site EU Platform for Action on Diet, Physical Activity and Health (http://ec.europa.eu/health)
Site European Commission: http://ec.europa.eu/inex_en.htm
Site European Food Safety Authority: http://www.efsa.europa.eu
WHO. Diet, Nutrition and the Prevention of Chronic Diseases, Report of a Joint WHO/FAO Expert Consultation 2003


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;