História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Autenticidade e Certificação de Produtos Alimentares


Área Científica: Indústrias Alimentares
Ano: 1º
Semestre: 2
Créditos: 6 ECTS
Horas de contacto: 30 T, 30 PL, 4 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Saber da importância da certificação e a autenticidade na qualidade de produtos alimentares;
Conhecer e ser capaz de implementar os principais sistemas de certificação institucional e privados no que respeita a modos de produção e produtos alimentares;
Identificar os principais problemas de autenticidade e ter conhecimento das diferentes implicações económicas, sociais, éticas e de saúde pública associadas à falsificação e adulteração de produtos alimentares;
Desenvolver e implementar processos de controlo de autenticidade de diferentes produtos alimentares, utilizando os conhecimentos adquiridos.

Conteúdo da unidade curricular:

Introdução à problemática da certificação e autenticidade de produtos.
Certificação de produtos qualificados e sistemas de produção: conceitos e definições. Objetivos da certificação, as vantagens e o âmbito. Principais sistemas de certificação institucionais respeitantes a produtos e modo de produção, nomeadamente Agricultura biológica; Proteção Integrada e Produção Integrada; Denominação de Origem Protegida, Indicação Geográfica Protegida, Especialidade Tradicional Garantida.
Definições de autenticidade, produtos falsificados, adulterados e autênticos. Aspetos legais da autenticidade. Processos de controlo da autenticidade. Verificação da composição de acordo com o rótulo. Dificuldade de garantir a autenticidade dos produtos agro-alimentares.
Exemplos de aplicação de autenticidade de produtos a: azeite e óleos vegetais; sumos e derivados de frutos; ervas aromáticas e medicinais; mel; carne e produtos cárneos; leite e produtos lácteos; e café.

Bibliografia recomendada:

Food Authentication, Edited by P. R. Ashurst and M. J. Dennis, Blackie Academic & Professional, 1996, Chapman & Hall.
Food Authenticity Issues and methodologies, coordinator Michèle Lees, Concerted action nº AIR3-CT94-2452, Eurofins Scientific 1998.
Food Safety and Food Quality, Issues in environmental science and technology, editors R. E. Hester and R. M: Harrison, The Royal Society of Chemistry, 2001.
Food authenticity and traceability, edited by Michèle Lees, CRC press and Woodhead Publishing Limited, 2003.
Informação disponibilizada nos sites: http://www. Icd.online.org. http://www.ipq.pt. http://europa.eu.int/; http://www.codexalimentarius.net/. http://www.iso.org.
Revistas disponíveis em bases de dados na ESA especialmente: Food Chemistry; Food Control; Journal of Agricultural and Food Chemistry.


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;