Eleição das Comissões de Curso da ESA – 2017

 

História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Farmacologia Básica


Área Científica: Ciências Farmacêuticas
Ano: 1º
Semestre: 1
Créditos: 6 ECTS
Horas de contacto: 30T, 30 P; 5 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Conhecer os conceitos básicos de Farmacologia. Consultar e seleccionar fontes de informação sobre os fármacos e os medicamentos.
Identificar os grupos de fármacos e dentro destes, as denominações comuns internacionais/portuguesas (DCI/DCP) dos princípios activos de referência e dos que se distinguem pelas características particulares.
Explicar os mecanismos de acção farmacológica dos diferentes tipos de fármacos.
Compreender os efeitos dos fármacos no organismo e os efeitos do organismo nos fármacos.
Identificar factores que influenciem a resposta do organismo a determinado fármaco.
Distinguir fármacos com indicações terapêuticas semelhantes.
Compreender a importância dos regimes posológicos na terapêutica medicamentosa.
Seleccionar fármacos em situações particulares (grávidas, crianças, idosos, patologias concomitantes, interacções medicamentosas, etc);
Descrever e ordenar o processo que conduz à introdução de um medicamento no mercado e o sistema de farmacovigilância.

Conteúdo da unidade curricular:

Mecanismos gerais de acção dos fármacos. Conceitos de Farmacocinética. Ciclo geral dos fármacos no organismo. Factores que condicionam a absorção de fármacos. Distribuição. Metabolização: sistemas envolvidos e sua localização. Noção de biodisponibilidade. Eliminação: locais e mecanismos envolvidos. Noção de tempo de semi-vida e de clearance e importância na definição dos esquemas posológicos.
Farmacodinâmica. Noção de receptor e interacção fármaco/receptor. Afinidade e actividade intrínseca. Agonistas e antagonistas. Noção de EC50. Sistema da IUPHAR para a caracterização de receptores. Variabilidade de resposta aos fármacos. Interacções medicamentosas. Toxicidade dos fármacos. Modelos de estudo de fármacos. Divisão de fármacos em grupos terapêuticos. Estudo da Farmacocinética e Farmacodinâmica em grupos de fármacos (antibióticos, antivirais e antifungicos).
Farmacologia sujeita a legislação restrita. MSRM e MNSRM. Uso racional de medicamentos.

Bibliografia recomendada:

PRINCIPLES OF PHARMACOLOGY – The Pathophysiologic Basis of Drug Therapy
David E. Golan, Armen H. Tashijan, Ehrin J. Amstrong, April W. Armstrong,
2nd edition, Lippincott Williams & Wilkins, April 2007

BASIC & CLINICAL PHARMACOLOGY
Bertram Katzung
11th edition, McGraw-Hill, Sept 2009

TERAPÊUTICA MEDICAMENTOSA E SUAS BASES FARMACOLÓGICAS
Serafim Guimarães, Daniel Moura e Patrício Soares da Silva
5ª edição, Porto Editora, 2006

CLINICAL PHARMACOLOGY
Bennett P. N., Brown M. J.
10th Edition, Churchill Livingstone, Nov 2007.

INTEGRATED PHARMACOLOGY
Page, C.P., Hoffman, B.B., Curtis, M.J. and Walker, M.J.A.
3rd Edition, Elsevier Mosby, May 2006.

SIMPOSIUM TERAPÊUTICO, ENCICLOPÉDIA DE ESPECIALIDADES FARMACÊUTICAS PORTUGUESAS
Edições Simposium, 2005


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;