Eleição das Comissões de Curso da ESA – 2017

 

História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Biossistemática


Área Científica: Biologia e Bioquímica
Ano: 1º
Semestre: 2
Créditos: 6,5 ECTS
Horas de contacto: 30 T, 39 PL, 6 TC, 20 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

  • Entender a teoria da evolução, o conceito de espécie e o fenómeno da especiação.
  • Definir as categorias taxonómicas e aplicar correctamente as regras de nomenclatura.
  • Conhecer as características morfológicas, fisiológicas e ecológicas dos principais grupos taxonómicos de animais e plantas vasculares.
  • Facilitar um conhecimento básico sobre a diversidade animal e vegetal.
  • Conhecer genericamente os processos de domesticação das plantas cultivadas.
  • Reconhecer no campo os taxa mais relevantes de animais e plantas vasculares.

Conteúdo da unidade curricular:

Teorias explicativas da biodiversidade: Fixismo, Lamarckismo, Darwinismo. Argumentos do evolucionismo.
Conceito de espécie e especiação: Conceitos de espécie: morfológico, biológico, evolutivo e filogenético. Especiação.
Breve introdução à Sistemática: O que é e para que serve a sistemática. Categorias taxonómicas; Sistemas de classificação
Nomenclatura: Nomes vulgares e nomes científicos. Códigos Internacionais de Nomenclatura. Regras fundamentais de nomenclatura. Tipos e tipificação. Construção dos nomes, estabilidade e alteração dos nomes.
Botânica: Caracteres taxonómicos constituição, função e adaptações. Reprodução sexuada. Sistemática de espermatófitas. As espermatófitas: evolução, características gerais, vantagens evolutivas: Pinophyta: características gerais, diversidade; Magnoliophyta: origem, características gerais, vantagens evolutivas, tendências evolutivas, filogenia. Sistema APG (Angiosperm Phylogeny Group). A domesticação das plantas cultivadas.
Zoologia: Bases da Sistemática Animal: valor dos caracteres embriológicos na classificação do Reino Animal; os filos do Reino Animal. Sistemática Animal: Filo Platyhelminthes; Filo Nematoda; Filo Mollusca; Filo Annellida; Filo Arthropoda; Filo Chordata.

Bibliografia recomendada:

Gullan, P.J. & P.S. Cranston (1994) (1ª ed.), (2000) (2ª ed.). The insects. An outline of Entomology. Blackwell Science.
Harlan, J. R. (1998) - The Living Fields: Our Agricultural Heritage. Cambridge University Press.
Hickman, F.M. & C.P. Hickman (1991) - Zoología. Manual de laboratorio. McGraw-Hill, Madrid.
Hickman, F.M.; L. Roberts & A. Parson (1998) - Zoología. Principios integrales. 10ªed. McGraw-Hill/Interamericana, Madrid.
Izco, J. (ed.) (2004) - Botánica. McGraw-Hill.
Judd, W, C. S. et al. (2002) - Plant Systematics. A Phylogenetic Approach. Sinauer Associates.
Lidon, F.J.C., H.P. Gomes, A.C.S. Abrantes (2001) - Anatomia e Morfologia Externa das Plantas Superiores. Editorial Lidel.
Tellería, J.L. (1991) - Zoología evolutiva de los vertebrados. Editorial Síntesis, Madrid.


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;