Eleição das Comissões de Curso da ESA – 2017

 

História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Turismo e Recreio de Natureza


Área Científica: Turismo e Lazer
Ano: 2º
Semestre: 1
Créditos: 6 ECTS
Horas de contacto: 30 T, 18 TC, 12 S, 20 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Conhecer a realidade emergente do recreio e turismo associado aos espaços naturais em geral e florestais em particular. Identificar o potencial e as pressões do turismo de natureza associado a áreas protegidas. Aplicar técnicas de planeamento e implementação de programas de turismo científico, cultural e etnográfico. Aprender a interagir com as populações locais e para sensibilizar os visitantes para aspectos éticos e ambientais. Adquirir técnicas de divulgação do património. Projecto de infra-estruturas para recreio ocasional, de curta e de longa duração.

Conteúdo da unidade curricular:

- Valores económicos e sociais do recreio e turismo de natureza. Oferta, procura, e padrões comportamentais na sociedade actual. Legislação e aspectos éticos. - Aptidão do espaço natural para o recreio, determinação e avaliação. Planeamento, desenho e gestão de espaços naturais com vocação para o recreio. Participação das comunidades locais. Minimização dos potenciais impactes resultantes da actividade turística. Determinação da capacidade de carga.
- Técnicas de divulgação do património paisagístico, florístico e faunístico. Divulgação de recursos e produtos agro-florestais. Reservas de Recreio: situação nacional, europeia e mundial. Espaços verdes, parques florestais, parques biológicos, e áreas protegidas.

Bibliografia recomendada:

Drumm, A & Moore, A. 2002. Ecotourism Development: A Manual Series for Conservation Planners and Managers, Volume I: Ecotourism Development. The Nature Conservancy, Arlington, Virginia.
Drumm, A; Moore, A; Soles, A & Patterson, C 2004. Ecotourism Development: A Manual for Conservation Planners and Managers, Volume II: The Business of Ecotourism Management and Development. The Nature Conservancy, Arlington.
Font, X., Cochrane, J. & Tapper, R. 2004 Tourism for Protected Area Financing: Understanding tourism revenues for effective management plans, Leeds Metropolitan University.
Newsome, D., Moore S. A., & Dowling, R. K. 2002 Natural area tourism: ecology, impacts, and management. Aspects of tourism., Clevedon; Buffalo: Channel View Publications. xii, 340 p.
Newsome, D, Dowling, R. & Moore, S 2005 Wildlife tourism. Aspects of tourism; 24. Clevedon ; Buffalo: Channel View Publications. xiv, 299 p.
Pérez de las Heras, M. 1999. La guia del Ecoturismo- o cómo Conservar la Naturaleza a través de Turismo. Mundiprensa.


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;