Eleição das Comissões de Curso da ESA – 2017

 

História, localização e infra-estruturas.

Os serviços e as pessoas.

Organização, departamentos e centros de recursos.

CET, Licenciaturas e Mestrados.

Programas e projectos de investigação.

Apoio e transferência de conhecimento.

A atmosfera, as instalações, as pessoas.

Acontece na ESA.

 

Blogue Notícias ESA
IPB.Virtual - plataforma de e-learning e de e-research
Clima na Escola Superior Agrária de Bragança
Portal Candidato IPB
Ligações B-ON - Biblioteca do Conhecimento OnlinePlataforma DeGóis - Plataforma Nacional de Ciência e TecnologiaCampus Virtual IPB

Genética e Melhoramento Florestal


Área Científica: Silvicultura, Caça e Pesca
Ano: 1º
Semestre: 1
Créditos: 6 ECTS
Horas de contacto: 30 T, 24 PL, 6 TC, 20 OT

Objectivos/Competências adquiridas:

Adquirir conhecimentos básicos de genética das populações e quantitativa por forma a dominar os instrumentos que permitem manipular a variabilidade genética das populações arbóreas de forma a condicionar o processo produtivo. Estar consciente da necessidade da conservação do património genético das populações arbóreas como forma de garantir a sustentabilidade da floresta. Conhecer as técnicas moleculares e de propagação vegetativa e sexuada (polinização controlada) mais aplicadas ao melhoramento florestal.

Conteúdo da unidade curricular:

Princípios de genética de populações e de genética quantitativa. Variação geográfica e sua aplicação ao melhoramento florestal. Manipulação da variabilidade genética das populações arbóreas – implicações para a conservação e o melhoramento. Metodologias de melhoramento florestal. O ciclo de melhoramento. A biotecnologia no melhoramento florestal.

Bibliografia recomendada:

Falconer, D.S, T. F.C. Mackay. 1996. Introduction to quantitative genetics. 4th edition.
Hartl D.L, Jones E.W. 2004. Genetics: Analysis of Genes and Genomes
Hedrick, P.W. 2005. Genetics of populations. Jones and Bartlett.
Russel, H. 1994. Biotechnology in forest tree improvement with special reference to developing countries. FAO. http://www.fao.org/DOCREP/006/T214E00.HTML
Namkoog G., H.C. Kang & J.S. Brouard. 1988. Tree breeding: principles and strategies. Springer-Verlag.
Suni P. (ed.) 1998. Tree Improvement: applied research and technology transfer. ISBN 1-57808-027-4
Wright J.W. 1976. Introduction to forest genetics. Academic Press.
White T.L., Adams W.T., Neale D.B. 2002. Forest genetics. ISBN: 0851993486
Zobel, B., Talbert J.. 1984. Applied Forest Tree Improvement. Waveland Press Inc.


T = teóricas; TP = teórico-práticas; PL = ensino prático e laboratorial; TC = trabalho de campo; S = seminário; E = estágio; OT = orientação tutória;