Notícias ESA

Blogue de notícias da Escola Superior Agrária de Bragança

Category: Notícias (page 1 of 19)


Continue reading

Tecnologia alimentar e electrotecnia são as especialidades em que Portugal mais se destaca. Universidades de Lisboa, Porto e Coimbra e o Politécnico de Bragança estão no topo do ranking de Xangai por disciplinas.

A Universidade do Porto e o Politécnico de Bragança são duas das 50 melhores instituições do mundo na área da tecnologia alimentar(…)
A outra especialidade é a tecnologia alimentar, na qual a Universidade do Porto é a 12.ª melhor a nível internacional (piorou um posto face ao ano passado) e o Instituto Politécnico de Bragança aparece em 33.º lugar – era o 50.º há um ano.
Ao todo estão representadas 15 instituições de ensino portuguesas, das quais 12 são universidades públicas.(…) O Instituto Politécnico de Bragança é a única instituição politécnica.

em Público


Programa Sete e Meia Rádio Educadora Dois Vizinhos BR com a participação de Everton Lozano diretor da UTFPR campus Dois Vizinhos e também do SR. Miguél e SR.Antonio professores do instituto politécnico de Bragança (Portugal).

Combate à Vespa do Castanheiro

Praga pode reduzir drasticamente produção de castanha em Portugal

Cancro do Castanheiro

Doença está a ser combatida com eficácia graças à aplicação de um bioproduto desenvolvido no IPB

Apresentação do livro: Anfíbios e Répteis de Portugal

A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Bragança ofereceu 100 árvores para a iniciativa “1000 Oliveiras para Oliveira de Frades”, cuja plantação começou no passado sábado. A vila do distrito de Viseu foi assolada pelos incêndios de Outubro passado.

O objectivo da iniciativa é ajudar a replantar as áreas ardidas daquela região da Beira Alta. O director da Escola Superior Agrária, Miguel Vilas Boas, destacou que por existir um conjunto de formações e de investigação em olivicultura na Agrária, a Escola foi convidada a participar na iniciativa doando 100 oliveiras.

“A ESA tem um conjunto de acções de formações e de investigação em olivicultura, no que diz respeito às doenças das oliveiras e na produção desta árvore, por isso, foi convidada a participar e decidiu oferecer 100 oliveiras criadas nas nossas estufas”, frisou.

A ESA associou-se a esta causa solidária, com uma doação que tem um “valor simbólico e uma forma de reabilitar o país e ajudar na reflorestação, de uma forma ordenada e resiliente, como se pretende” referiu o director da Escola Superior Agrária, Miguel Vilas Boas.

Os padrinhos do evento foram os músicos Olavo Bilac e David Antunes.

Da iniciativa estavam previstas acontecerem três espaços de plantação, mas devido ao mau tempo, foi realizada apenas a 1ª acção e as restantes foram adiadas para breve.

em Rádio Brigantia

A Escola Superior Agrária no Há Volta da RTP

Os nossos Cientistas à Volta, no programa HÁ VOLTA da RTP1, na etapa 3 da Volta a Portugal, na cidade de Bragança.

Cientistas:

  • José Alberto Pereira, professor na Escola Superior Agrária na área da Produção e Tecnologia Vegetal e investigador no Centro de Investigação de Montanha (CIMO) do Instituto Politécnico de Bragança no projeto: “OliveOld”, uma investigação que recai na identificação e caraterização de oliveiras centenárias para obtenção de produtos diferenciados.
  • Ana Maria Carvalho, professora na Escola Superior Agrária, na área da Biologia e Biotecnologia e investigadora do Centro de Investigação de Montanha do Instituto Politécnico de Bragança, onde é feito um trabalho de reconhecimento e inventariação da diversidade biológica, concretamente em plantas vasculares e macrofungos.
  • Bruno Navarro, Presidente do Conselho Diretivo do Côa Parque – Museu do Côa

Porque a volta tem ciência!

Curso de seleção e qualificação de provadores

Curso de seleção e qualificação de provadores

Objectivo

Criar e manter painéis de provadores qualificados/peritos em três tipos de produtos: enchidos tradicionais ( alheira, chouriça e salpicão); queijos de pasta dura e mel.
Os painéis de provadores executarão ensaios de análise sensorial para métodos acreditados de acordo com a NP EN 17025:2005 e outros que estejam protocolados pelo Laboratório de Análise Sensorial.

Data limite para recepção de candidaturas – 31/03/2017

Processo de seleção e etapas de qualificação

A seleção de candidatos seguirá o que prevê a NP EN ISO 8586:2014, nomeadamente:
Os candidatos serão entrevistados e posteriormente submetidos a testes que avaliarão a acuidade sensorial com a realização de testes básicos de detecção à visão, sabor e cheiro.
Findo este processo os candidatos ficam a conhecer a sua acuidade básica e os que foram selecionados integrarão um grupo que frequentará um conjunto de sessões de capacitação/avaliação para padrões e referências sensoriais. No final desta fase, os candidatos aprovados ficam com a competência de PROVADOR.
Do grupo de provadores serão selecionados e formados painéis para os diferentes tipos de produtos . No final, os provadores bem sucedidos atingirão o grau de PROVADOR QUALIFICADO para o(s) produto(s) em que se qualificou.
O desenvolvimento das capacidades e competências culminam no grau de PERITO.

Competências

Dependendo do nível de qualificação atingido, os provadores poderão:

  • Integrar painéis de provadores em empresas, desempenhando funções de controlo de qualidade sensorial e participar no desenvolvimento de novos produtos;
  • Participar em júris de concursos para produtos nos quais adquiriram competência;
  • Participar em painéis de provadores para avaliação sensorial nos produtos em que se qualificaram.

Reconhecimento

O IPB emitirá certificados de qualificação para os participantes de acordo com o nível de qualificação atingido.

Ficha de inscrição

Descarregue a ficha de inscrição. Depois de preenchida devolva por email para:
las-esa@ipb.pt

Older posts

© 2018 Notícias ESA

Theme by Anders NorenUp ↑